quarta-feira, 5 de setembro de 2012

Minha versão pra Nara

Se alguém perguntar por mim
Diz que fui no sex shop
Levando o vibrador debaixo do braço
Em qualquer esquina eu penetro
Em qualquer botequim eu sento

(mas o coitado parou de vibrar)