domingo, 14 de junho de 2015

Chapeuzinho Vermelho


Chapeuzinho Vermelho na visão de Glória Perez

A muçulmana Turbantezinho Vermelho (Giovanna Antonelli) leva uns pastéis da Dona Jura para a sua avó cigana (Eliane Giardini). Todos fazem a dança do ventre. Cada mergulho é um flash. Turbantezinho passa pelo núcleo pobre da trama e o Lobo (Eri Johnson) tenta levá-la num papo malandro, mas não consegue. Are baba! Todos fazem dança típica indiana. Enquanto isso, o clone do Lobo (Eri Johnson sem a pinta) come a avó cigana. Não é brinquedo não. É lançada uma campanha social a favor das avós comidas por lobos. O Caçador (Rodrigo Lombardi) chega a cavalo, salva a avó e salva Jorge. Inshalá!



Chapeuzinho Vermelho na visão de Manoel Carlos


Chapelena (Bruna Marquezine) pega o elevador e vai levar doces para sua avó (Natália do Vale). Elas moram no mesmo prédio no Leblon. A vizinha alcoólatra (Vera Holtz) puxa conversa com Chapelena. Enquanto isso, Zagallo, o Lobo Peludo (Tony Ramos), come a avó, que grita “agora você vai ter que me engolir!”. Mas ele queria mesmo era comer a mãe de Chapelena (Vera Fischer). Dr. Moretti (José Mayer), caçador profissional e médico amador, tira a avó de dentro do Lobo, mas ela acaba apanhando de sua outra neta (Regiane Alves). Chapelena descobre que o bebê do Lobo foi trocado na maternidade pelo seu filho morto. Vinheta com algum grande sucesso da bossa nova.  




Chapeuzinho Vermelho na visão de João Emanuel Carneiro

Chapeuzinho Vermelho (Débora Falabella) acha uns doces no lixão e volta para se vingar da sua avó (Adriana Esteves), que mora no Divino. Enquanto isso, a dupla sertaneja Los Lobos (Claudia Raia e Patricia Pillar) interrompe a carreira de sucesso por desavenças internas. Uma acusa a outra de ter comido a avó de Chapeuzinho. Mas Chapeuzinho tem certeza que é tudo culpa da Rita. O caçador (Murilo Benício) passa só pra dar um oi, oi, oi e vai jogar sinuca com o Seu Leleco (Carmo Dalla Vecchia) porque sabe que essa trama gira em torno de personagens femininas.