sexta-feira, 8 de janeiro de 2016

Sobre Séries

  Antes de mais nada, feliz ano novo.

  Ontem eu estava assistindo o segundo episódio de The Lefthovers quando ligeiramente irritada. Irritada por que assisti o primeiro episódio e resolvi que a série podia vingar, não vingou. É prepotente, boba, apática. Depois de xingar um pouco, fui até a internet ler sobre, já que seria pela critica uma das melhores séries da atualidade. Acabei lendo uma crítica da Cláudia Croitor do G1 que já tem o título "Tudo vai dar em nada" e concordei de cabo-a-rabo, ela escreve quase com minhas palavras, só faltaram uns palavrões. Para quem quiser ler: http://oglobo.globo.com/cultura/revista-da-tv/the-leftovers-chega-ao-episodio-final-com-sensacao-de-ame-ou-deixe-a-13835326

  Costumo largar filmes ruins no começo e assistir um ou dois episódios de séries e largar, provavelmente sou uma das pessoas mais chatas como companhia nessas horas. Larguei de assistir no primeiro, ou primeiros episódios: Lost, Walking Dead, Falling Skys, Small Ville, Toch... 
  Apenas para não começar apenas em falar sobre mim, vou focar no tema séries.
  Não peço muita coisa de uma:

  1-Não seja óbvia e previsível. Odeio quando começo a adivinhar o final e acertar as falas.

  2-Seja plausível. Mesmo que você tome de partida uma situação improvável ou novas regras de física, depois pare de forçar a barra.

  Só, só isso. Atores ruins, cenários ruins, baixo orçamento, todo o resto passa sem problemas com um roteiro que consiga surpreender sem apelar.


Vale a pena acrescentar que levo as comédias um pouquinho menos a sério, por isso não acho Friends ou Big Bang grandes maravilhas, são boas, assisto, gosto. Mas não levo tão a sério.

  Algumas minhas séries favoritas são:

  -Breaking Bad. (talvez a melhor, queria esquecê-la para poder rever).
  -Dexter (eu deveria ter assistido só até o último epsódio da 4ª temporada, com o John Lithgow, depois é ladeira abaixo).
  -House (deu uma caidinha na qualidade com o tempo, mas ainda é ótima).
  -The Office UK (leia bem o UK, a americana eu ainda vou assistir, mas original é original).
  -Chaves (sério,é comédia, é latina, é de ver de tarde, mas acho genial e única).
  -Desperate Housewives (apenas a primeira temporada, depois começa a virar uma novela ruim).
  -Nip Tuck (nunca vi uma série ir de boa para péssima, as primeiras temporadas valem a pena, saber quando parar também).
  -Frasier (vi, vi e revi, não perde qualidade apesar de ter durado anos).
  -Family Guy (demorei pra acostumar, mas é muito boa, supera Simpson e South Park sem dificuldades).

  Talvez escreva outro dia sobre séries meia-boca ou séries ruins, mas a lista será muito maior.