sábado, 9 de julho de 2016

Abraço

Abro os braços
Sinto seu corpo me envolver
E sua alma me abrigar
Acolher
Sinto seu calor
Amor
Os corações pulsam em sintonia 
As respirações nos acalantam
Seu cheiro se funde ao meu
Bálsamo
Fecho os olhos
E habito em ti
Meu refúgio
minha morada
Namorada