segunda-feira, 12 de novembro de 2018

O tempo

O tempo é a coisa mais estranha. Parece lento quando somos pequenos, sufoca quando somos adultos. Se desenha de maneira independente, e começa a dar impressão de que manda em nossa vida, decide nossos caminhos.

Fazemos as coisas por que é o momento certo ou por que o tempo vem para cima? Nos casamos porque estamos apaixonados ou é o tempo que aperta a nossa mão?

Somos guiados pelo tempo, ou pela falsa sensação que noz traz, controlando nosso calendário, medindo nossos anos.

E o tempo só passa e demoramos para perceber que nossas decisões, parte delas, não foi sincera, foi o medo do tempo que nos levou a fazer algumas coisas.

E se tivéssemos todo o tempo do mundo? Pensaríamos com mais calma? Poderíamos aprender a viver de outra maneira?

Não sei. Agora somos escravos de um relógio, que corre sem nos dizer para onde vai. E vamos atrás, sem saber para onde vamos.


Iara De Dupont