quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Mulheres...

Letícia tem 1 ano. Ontem encontrou no playground um de seus melhores amigos, João, de 1 ano e meio. Como qualquer criancinha curiosa, tentou brincar com a garrafinha de água e o mordedor que João trouxe para o parquinho, mas ele, muito ciumento, não deixou.

Nada não. Conversa de bebê vai, conversa de bebê vem, logo Letícia e João estavam brincando juntos e felizes. Perseguiram o rapaz que estava regando o jardim do condomínio, batucaram em algumas muretas, subiram nos brinquedos de plástico...

Arrependido de seu egoísmo inicial, João decidiu oferecer todos os seus pertences a Letícia, numa linda prova de amor e amizade. Trouxe primeiro a garrafinha de água e tentou ensiná-la a beber, mas Letícia não pareceu interessada. Trouxe, então, seu irresistível mordedor azul em forma de ursinho e fez questão que ela o segurasse em suas mãos.

Letícia, agora dona da atenção, do afeto, da garrafinha e do mordedor do amigo não titubeou. Assim que recebeu seu último pertence olhou para ele com uma expressão dócil e piedosa, acenou com a mãozinha e disse tão alto quanto poderia "TCHAAAAAAAAAAAAAAU". Caminhou serena em direção ao elevador, deixando João sozinho com seus brinquedos e lágrimas.

p.s.: História real. Aconteceu ontem enquanto eu e Letícia curtíamos nosso último passeio do dia.