domingo, 23 de agosto de 2009

Apenas mais uma de amor

Eu me lembro quando morávamos na nossa casa,
Éramos uma família incrível.
Ainda somos, mas hoje tudo é tão diferente.
Não é comigo que meu irmão conversa antes de dormir,
Meu pai não nos traz mais chocolates à noite,
Hoje eu não troco a comida da minha mãe por miojo,
Eu não sei o que eles assistem na TV, nem o que eles jantam.
Eles não sabem o último filme que eu vi, o livro que estou lendo, que escrevo num blog, quem é meu melhor amigo, se estou apaixonada, se fui trabalhar, se sou educada ou se fiz o dever de casa.
Eu não subo mais em árvores nem boto medo nos meninos mais velhos que eu.
Meu irmão não sobe mais no muro para espiar a vizinha pelada,
Minha mãe não esconde mais meu carrinho de rolimã na semana de provas.
Naquela época a Zona Leste ainda não era a ZL,
Nós só tínhamos bons momentos, momentos felizes.

Eu me lembro de quando nós simplesmente jogávamos nosso dia fora
Como eram boas nossas conversas e brincadeiras. As melhores!
Eu achava que nada iria nos separar.
Eu sempre acho que tudo vai ser pra sempre.

A nossa casa era o melhor lugar do mundo pra ser feliz