quarta-feira, 6 de junho de 2012

5 meses.

Mil faces você tinha, mas só um sorriso, só um tom compreensivo.

Bom é melhor que perfeito, me canta uma voz que você nem mesmo ouviu. Como ela pode me lembrar tanto de você então? Certas coisas não se explicam.

Pergunto-me o que devo sentir, agora que já fazem meses. Só sinto sua falta.

And I’m crying for things that I tell others to do without crying.