sábado, 16 de março de 2013

essential

Ontem acabou o meu Lacoste Essential que me acompanhou ao longo desses quatro anos. Eu sei que perfumes acabam, inclusive meu Hugo Boss segue o mesmo fim. Parece algo trivial, no entanto, quando penso naquilo em tudo que aconteceu quando esse fiel companheiro estava em mim, acredito que lhe devo uma homenagem.

Iniciamos em um Duty Free em 2009, com um valor pornograficamente mais baixo do que aqui, o comprei sem pestanejar. Juntos, principalmente no calor, juntos no trabalho, juntos nos passeios. Ele estava junto quando o Corinthians ganhou o Paulista, Copa do Brasil, Brasileiro, Libertadores e Mundial. Quando troquei carro, de casa, de videogame e quando me casei novamente e quando chegou a Baleia.

Entretanto, poderia ter visto tanta coisa...tomara que o atual, possa estar um texto maior que este e com muito mais eventos. Daqueles de filmes americanos, quando a pessoa se torna muito melhor e tem uma vida plena e recheada de aventuras.