segunda-feira, 6 de maio de 2013

Sobre a volta

tumblr_mjdpg7cVyg1r2li3ko1_500

E se tudo um dia voltasse? Você reviveria suas lembranças ou ia preferir seguir construindo novas?

A carne é fraca. Quem sabe o que é perda pode testemunhar que seria feliz revivendo cada momento com a pessoa que um dia amou. A memória é mais dourada, porque quem a vê é o olho da saudade.

“Mas qual seria o ponto?”, se pergunta o incrédulo. “Tolo”, responderia o sábio. “A vida não precisa de um ponto. Precisa de boas lembranças”.

A recordação certa num momento vulnerável é como uma flor dada por um charmoso e inatingível estranho: pode ser que nada signifique, mas continua desconcertantemente bela.