quarta-feira, 5 de outubro de 2016

TENSÃO


Ela me diz: “Estou gorda! ”
Digo-lhe: “não, não está. ”
Ela me diz: “Estou louca! ”
Digo-lhe para se acalmar

Noto então os dias que vêm
A trazerem esse outro alguém
Que não reconheço

Busco manter a lembrança
 “Para cada música, uma dança”
E isso é só o começo

Ela me diz: “Estou triste”
Digo-lhe: “Te alegres! ”
Ela me diz: “Me conquiste”
Digo-lhe que seu corpo ferve

E esse é mais um dia
Que vem e me desafia
A manter a sanidade

Passada a tristeza
Virá a aspereza
E de carinho, necessidade

Então, ela me diz: “quero abraço”
Digo-lhe: “Venha mais para cá”
E ela me diz: “Me ame como o faço”
Digo-lhe que só sei a amar

Sei que sempre acontece
A alma se remexe
Vem para por a prova

E mesmo com tudo isso
Ela é tudo o que preciso
Meu amor só se renova


FÁBIO FONSECA