quarta-feira, 30 de junho de 2010

De herói a bandido todo mundo tem um pouco

A vida é como um grande teatro
Com platéias
Personagens contracenando
Num grande palco uma história
Sem fim

[Voz Sem Medo]

O sol esqueceu que já era inverno e proporcionou um belíssimo sábado à cidade de São Paulo. O dia também teve um brilho especial para Caroline Celico, protagonista de uma reportagem na nova edição da Veja São Paulo.

“Criei a Caroline para ser uma princesa. Fico feliz que ela tenha se casado com um príncipe!” As palavras carinhosas da mamãe Rosangela Lyra remetem à realeza de Ricardo Izecson dos Santos Leite, o Kaká, príncipe cuja imagem de bom moço não é maculada por palavrões captados pelas câmeras de TV e, menos ainda, por um cartão vermelho injusto.

“Obrigada, Senhor, por, num mundo tão difícil, conseguirmos juntar mulheres lindas que têm mais do que poderiam imaginar.” A oração da princesa Carol emocionou as socialites presentes na reunião no Morumbi. De quebra, provocou também indisfarçável orgulho no coração de muita gente que se vê representada na mídia apenas por pa$tores histéricos e mulheres de perna peluda sob indefectíveis saias jeans.

Ainda curtindo a repercussão da matéria, no dia seguinte a princesinha gospel postou no álbum do Twitter um flagra de pneus masculinos tentando fugir de uma calça que os comprimia. “Que delicia... Bom apetite... Rsrsrs!!!!” foi a legenda escolhida para a traquinagem, aliás uma ilustração perfeita para a vetusta expressão bíblica “enxúndias nas ilhargas”.

Como acontece em alguns contos de fadas, foi o suficiente para a carruagem virar abóbora. Com + de 25 mil cliques, a fotenha despertou comentários furibundos. “Amar o próximo sendo ele limpo, magro e rico é fácil. Vai visitar morador de rua”, comentou alguém. “Essa sua atitude mostra o quanto vc é fútil; tem uma pilha de roupa p/ passar na minha casa”, disse outra internauta, elevando a temperatura além dos 27 graus do domingão.

Não é a primeira vez que Carol causa no Twitter. Em março, ela deu RT em um protesto após a substituição do Kaká numa partida e o a bagulho ficou tenso. Após a imensa repercussão negativa, o maridão chegou a anunciar que iria deletar o Twitter dela.

Desta feita, parece que ela não se importou muito com a jaula da expectativa alheia, tomou Activia e saiu andando... com Louboutin e Chanel nos seus pés apostólicos, naturalmente. Melhor assim. Afinal, os manos do grupo de rap Voz Sem Medo já nos deram a fita:

Tanto morre o sábio como morre o louco
De herói a bandido todo mundo tem um pouco