quarta-feira, 18 de maio de 2011

Quem garante que era barro?

Bosta não é um. Bosta é a. A bosta. Uma bosta. 
Pessoa é um. É o. É a também. É mais que dois. 
É todo mundo. Mas não é bosta.
Bosta não é humana. É pouca. Pouca bosta. Não é igual pessoa. 
Pessoa sim é muita bosta. 
E humana.