quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

Michel

É melhor parar, assim alguém (eu) te mata.