segunda-feira, 23 de abril de 2012

Tocando em frente

Um dia percebi que tenho uma família linda, toda minha.
Não meu pai, nem minha mãe, uma que eu formei com um cara fantástico e que acabou dando no casal de gatinhos mais lindo e amado do mundo. 
Vou me casar esse ano, com 33 anos. 
Tenho o emprego dos meus sonhos.
Só agora consigo agradecer de coração a vida que tenho, a sorte que tenho.
Eu achei que chegaria nesse ponto bem mais cedo. Eu levei um pouco mais de tempo do que a maioria das pessoas, mas tem gente que acaba indo embora sem colocar sua vida nos trilhos.
Estou feliz. Muito.
Como não posso desejar que não acabe, desejo poder sempre me lembrar desse estado, para que eu possa voltar a senti-lo quando precisar.
Também desejo que você tenha um momento assim, e que sempre se lembre dele.