quarta-feira, 10 de agosto de 2016

Soluções práticas - Parte 10

Olegiev esfregou os olhos por alguns instantes, olhou ao redor certificando-se de que os outros estavam vendo o mesmo que ele. 
Todos com cara de espanto o deixou ainda mais apreensivo, não era bem o imprevisto que imaginavam.

Chamem mais homens! Gritou.

Aleksis ainda na porta olhando Natasha desfalecida, na maca transparente que a colocaram reparou que o corpo parecia diferente, parecia uma capa de borracha sem vida.

Pensou:
Onde diabos vim me meter, não posso parecer ter medo disso tudo, já vi tantas coisas por aqui, mas nunca nada assim.
Isso é loucura! 
Sair correndo não é uma opção, não iria muito longe.
Concentre-se, concentre-se!
Estava difícil pensar em algo coerente, em questão de segundo várias imagens passaram em seus pensamentos: cabeça de animal, pelos crescendo, armas reluzentes, computadores, táxi amarelo, sangue preto, revólver, mesa de madeira, portal, chave de casa...


ALEKSIS! Um grito acordou dos instantes em que se ausentou de si mesmo.

Mecha-se homem! Não temos muito tempo até terminar a fusão.