terça-feira, 11 de abril de 2017

Excesso

Você diz que te faço bem...
...Mas é melhor não. Em excesso posso lhe fazer mal. Posso te dar dor de cabeça, vertigem e delírios. Posso lhe trazer uma "bad vibe". Em excesso posso ser abrasivo e te deixar de ressaca. Posso te deixar de mau humor, de estômago embrulhado, dar azia, queimação, má digestão e mal estar. Em excesso posso deprimir. Longe, por conta do excesso, posso te deixar em abstinência. Em excesso posso ser motivo de psicoterapeuta, psicólogo e caso de psiquiatria. Posso ser sua demência de tanta loucura pelo teu vício por mim...  
...em excesso eu posso fazer mal.